O Paraíso dos Pândavas foi fundado com a meta de compartilhar a vida em autorrealização em yoga, ou consciência de Krishna, ao mesmo tempo em que realizando atividades de proteção ao meio-ambiente e ajuda ao próximo. Nossas atividades incluem:

a)      Desenvolver programas de estímulo à consciência espiritual, enfatizando a espiritualidade autêntica, sana, não-sectária e não violenta como também a importância da consciência do divino em tudo que se faz e em todas as interações com outros seres vivos (humanos ou não);

b) Desenvolver programas de proteção ao meio-ambiente e reflorestamento;

c) Desenvolver programas de assistência social;

d) Desenvolver programas de educação nutricional e ambiental;

e) Realizar projetos de agricultura orgânica sustentável (permacultura, agrofloresta, etc.);

A idéia por trás disso é simples: acreditamos que não é eficaz apenas desenvolver estas importantes metas separadamente, pois estão intrinsecamente ligadas umas às outras. Falar em vida espiritual (ou religiosa) sem tomar os devidos cuidados com a ajuda ao próximo é algo reconhecidamente inaceitável. Igualmente contraditório é falar em vida espiritual e não ter cuidado com o meio ambiente e com a própria saúde.  Por outro lado, ter cuidado com o meio ambiente e com o próximo, sem levar em consideração o aspecto espiritual é pouco coerente, pois a vida, ou consciência, não é material, como a própria ciência moderna nos mostra.

O ideal acima formava a base da cultura Védica, que se encontrava muito forte no Sudeste Asiático há cerca de 5100 anos atrás. A cultura Védica possui essa visão equilibrada e holística da realidade, compreendendo a necessidade de ver todas as espécies como parte de uma sociedade planetária, bem como a importância do divino em tudo que se faz e em todas as interações com outros seres vivos. Os Pândavas eram os cinco irmãos da família imperial dessa época, filhos do imperador Pandu, que perfeitamente viveram esse ideal em suas vidas pessoais e na administração do império. A história de suas vidas ficou gravada no famoso épico Mahabharata, dentro do qual encontramos um dos maiores tesouros da sabedoria humana, o Bhagavad-gita.

É dessa forma que o Paraíso dos Pândavas deseja participar da mudança planetária em progresso: trabalhando em prol de um mundo habitado por pessoas espiritualmente maduras, que sabem cuidar de si mesmas, de seus irmãos e irmãs de todas as espécies, e também de seu planeta.

Colocamos esses ideais em prática em nossa fazenda-retiro ou yoga resort, que fica numa área de 390 hectares na Chapada dos Veadeiros - GO (Município de Alto Paraíso). Aqui oferecemos retiros e hospedagem para pessoas de todas as idades, sem necessidade de qualquer experiência prévia em yoga ou meditação. Nestes retiros os participantes experimentam profunda de paz e bem-estar com práticas de yoga, trilhas pela natureza, banhos de cachoeira, refeições saborosíssimas, da culinária natural, um contato com a cultura milenar da yoga da devoção (bhakti) e a filosofia do yoga, o canto de mantras e técnicas de meditação. E fora de nossas terras, junto com colaboradores, desenvolvemos trabalhos de assistência social e educação nutricional, além de realizar cursos e palestras em outras cidades e estados.

A ONG foi fundada por Giridhari Das (Gustavo Dauster). Clique aqui para ver seu site.

Nossas Acomodações

Clique aqui para ver nossas acomodações!

 


Desenvolvimento: VixCenter ® 2004 • Brasília • DF